Na atualidade, estamos produzindo mais dados do que nunca, com mais de 2,5 quintilhões de bytes produzidos todos os dias, segundo a IBM. Nessa hora, é importante saber tudo sobre o backup em nuvem.

Nunca fomos tão conectados através de telefones inteligentes, relógios inteligentes, laptops e todos os tipos de tecnologias portáteis que inundam o mercado atual.

Segundo o IBM, também, havia cerca de 6,4 bilhões de “coisas” conectadas em 2016, um aumento de 30% em relação ao ano anterior.

Também estamos continuamente enviando e recebendo dados através de nossas redes. Esse crescimento imparável é insustentável sem algum tipo de inteligência na maneira como todos nós produzimos, armazenamos, compartilhamos e fazemos backup de dados agora e no futuro.

Saiba tudo sobre o backup em nuvem

Os serviços na nuvem desempenham um papel essencial na obtenção de gerenciamento de dados sustentáveis, aliviando a pressão sobre as soluções de largura de banda, armazenamento e backup.

– Mas a nuvem está abrindo caminho para melhores serviços de backup ou está tornando o próprio backup obsoleto?

– E qual é a desvantagem em termos de segurança de dados / como ela pode ser reduzida para que você possa armazenar com segurança seus dados na nuvem?

O backup em nuvem é geralmente considerado uma solução de backup on-line que funciona em segundo plano em seus dispositivos para manter suas fotos e documentos, sejam pessoais ou relacionados ao trabalho, em servidores remotos.

Na realidade, o backup em nuvem tem muito mais a oferecer. Ele conecta as pessoas, ajudando-as a armazenar e compartilhar dados on-line e até mesmo trabalhar on-line para criar dados de forma colaborativa.

Ele também torna seus dados onipresentes, de modo que se você perder seu telefone ou seu dispositivo falhar, basta comprar um novo, entrar na sua conta de nuvem e voilá! – todos os seus dados estão no seu novo dispositivo em questão de minutos.

Você realmente faz backup de seus dados?

Uma vantagem importante do backup em nuvem é a automação e a facilidade de uso.

– Com as soluções de backup tradicionais, como o uso de uma unidade separada, as pessoas geralmente descobrem, um pouco tarde demais, que não fizeram backup de determinados arquivos.

  • Confiar no usuário para fazer backups é arriscado, então automatizar é exatamente onde o backup na nuvem está fazendo a diferença.

As soluções em nuvem começaram a evoluir de serviços de backup on-line para serviços de armazenamento primário.

– As pessoas estão cada vez mais migrando do armazenamento de dados no armazenamento interno de seus dispositivos (discos rígidos) para armazená-los diretamente em repositórios baseados em nuvem, como o DropBox, o Google Drive e o OneDrive da Microsoft.

Dispositivos como o Chromebook do Google não usam muito armazenamento local para armazenar seus dados.

Em vez disso, eles fazem parte de uma nova tendência em que tudo o que você produz ou consome na internet, no trabalho ou em casa, viria da nuvem e será armazenado lá também.

Novidades em backup em nuvem

Tecnologias de nuvem recentemente anunciadas como o Drive File Stream do Google ou o Smart Sync do Dropbox são excelentes exemplos de como os serviços de armazenamento em nuvem estão indo em uma nova direção.

Eles tem contado com menos dados no dispositivo e uma maior função de armazenamento primário para a nuvem. Aqui está como isso funciona:

– Em vez de manter arquivos locais em seu dispositivo, são usados ​​arquivos de espaço reservado (tipos de arquivos vazios), e os dados reais são mantidos na nuvem e baixados de volta no dispositivo apenas quando necessário.

As edições nos arquivos são enviadas para a nuvem para que nenhuma cópia local seja mantida em seu dispositivo. Isso reduz drasticamente o risco de vazamentos de dados quando um dispositivo é perdido ou roubado.

Sabendo mais sobre o backup em nuvem, conte com ele para facilitar seu dia a dia e não correr riscos!